Excesso de gordura abdominal pode levar a falta de memória

Ninguém tem dúvida que o excesso de gordura faz mal à saúde. Agora, o que ninguém sabia é que uns quilinhos a mais podem provocar outro problema.

O novo alerta é para a gordura que se acumula no abdome. A pesquisa feita em Brasília foi com mulheres com mais de 50 anos que já entraram na menopausa. Mas todas podemos ficar ainda mais atentas com os quilos indesejáveis.

Ordália das Graças Leite teve que cuidar mais da saúde nos últimos anos. Além da diabetes, colesterol alto e do ganho de peso, principalmente na barriga, ela percebeu outra mudança: “Muita falta de memória. Esqueço. Guardo as coisas e não sei onde coloquei. Chego na geladeira e olho de cima em baixo não sei o que é que eu fui pegar”.

Esse esquecimento, que é mais frequente depois de certa idade, pode ter causas diferentes como alteração hormonal. Pesquisadores de Brasília analisaram outra causa. Eles descobriram uma relação direta entre a gordura acumulada na região abdominal e a perda de memória em mulheres com mais de 50 anos.

A pesquisa foi feita com 301 mulheres que já tinham passado pela menopausa. Elas foram pesadas, medidas e fizeram um exame do estado mental. Aquelas com mais de 88 centímetros de cintura apresentaram falhas de memória.

O coordenador da pesquisa diz que o próximo passo é descobrir o que provoca essas falhas na memória. Uma das hipóteses é o entupimento das artérias, inclusive do cérebro, por gordura.

“Esse entupimento das artérias leva a uma menor oxigenação do tecido cerebral. Essa pior oxigenação crônica ao longo do tempo levaria como repercussão a uma demência isquêmica e consequentemente a uma perda de memória”, destaca o coordenador da pesquisa Adriano Tavares.

Quer manter a mente em forma? A dica é simples: cuide do corpo.

“Eu procuro controlar a minha alimentação, faço minha caminhada e completo na academia”, diz uma senhora.

Um alerta para os falsos magros: “Mais importante que a quantidade de peso também é a localização do peso. A obesidade abdominal, mesmo que em um paciente aparentemente mais magro, pode trazer muito mais problemas, muito mais malefícios a saúde do que a um paciente globalmente obeso”, alerta o presidente da Sociedade Brasileira de Endocrinologia (DF) Neuton Gomes.

Os médicos lembram que o acúmulo de gordura na barriga pode causar outros problemas de saúde, como hipertensão e infarto. Para combater a perda de memória também é fundamental exercitar a mente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s